Dilma toma posse e se emociona em seu discurso


Dilma emocionada recebe a faixa Presidencial de Lula seu companheiro de partido

A presidente da República, Dilma Rousseff, afirmou em seu discurso de posse, neste sábado (1º), no Congresso Nacional, que "a luta mais obstinada" do novo governo será "a erradicação da pobreza extrema e a criação de oportunidades para todos". "Não vou descansar enquanto houver brasileiros sem alimentos à mesa", declarou.
Antes, no início da fala de cerca de 40 minutos pontuada por alguns momentos de emoção, a presidente disse que terá como "compromisso supremo" durante o mandato "honrar as mulheres, proteger os mais frágeis e governar para todos".
Ela reafirmou a defesa da liberdade de culto e de imprensa, disse que a corrupção "será combatida permanentemente" e que estende a mão aos partidos de oposição.  "A partir deste momento, sou a presidente de todos os brasileiros", declarou. Ao pronunciar essa frase, com a voz embargada, Dilma se emocionou, sem chegar a chorar, e recebeu aplausos.
Dilma também fez menção aos companheiros de militância de esquerda nos anos de regime militar: "Divido com companheiros de luta que tombaram no caminho essa conquista e rendo a eles minha homenagem."
Dilma abriu o discurso saudando as autoridades presentes e em seguida destacando a condição de mulher. "Pela primeira vez, a faixa presidencial cingirá o ombro de uma mulher", afirmou, interrompida por aplausos.
A presidente disse que a eleição dela significou "abrir portas para que muitas outras mulheres, no futuro, possam ser presidentas".
Em seguida, agradeceu ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a quem sucede, e prestou uma homenagem "ao nosso querido vice-presidente José Alencar", que, internado em um hospital de São Paulo, não compareceu à posse.
Fonte e Foto: globo.com

0 comentários:

 
Blog Leandro Oliveira © 2012 | Designed by DNA HOST